quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Gema do mês de dezembro: TURQUESA

A turquesa foi uma gema bastante utilizada na antiguidade. A mais antiga evidencia para essa afirmação foi encontrada no Egito. Onde foi descoberto um mobiliário com incrustações de turquesa, datado de aproximadamente 3000 ac. E muitas culturas do velho e novo mundo, a turquesa tem sido apreciada como uma pedra sagrada, capaz de trazer boa sorte.
Nas Américas os índios utilizavam para produzir jóias e objetos de rituais sagrados, acreditando que a pedra azul-céu abre uma conexão direta entre o céu e o mar. Seu nome significa pedra turca, por ser a Turquia rota comercial para Europa. Foi pedra nacional da Pérsia, e ate hoje, o Irã produz os seus melhores exemplares.
Ela é um fosfato de alumínio, apresentando variações de cores entre o verde e o azul, devido a presença do cobre e do ferro. Vai de semi-transparente a opaca e tem brilho porcelanico. Por ser porosa, suja com facilidade e é fácil de riscar, exigindo, p Portanto, cuidados no seu uso. Além disso, esta sujeita a alterações de cor por ação da luz solar, suor e cosméticos.Alem do Ira outras jazidas podem ser encontradas no Afeganistão Austrália Oriental, China, Israel, Tanzânia e no sudoeste dos Estados Unidos.
Dentre as diversas variedades, as gemas mais valorizadas são as compactas e de cor azul celeste. A partir de 1972, surgiram as turquesas sintéticas, que muitas vezes se aproximam tanto das naturais a ponto de dificultar a sua diferenciação.
Fonte: IBGM

E essas são algumas peças da minha coleção de Turquesas! Apreciem!!! :)










Fotos: Fernando Codevilla

Nenhum comentário:

Postar um comentário